segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Tarde perfeita!

Há uns dias que não dou notícias, pois tive um fim-de-semana completamente preenchido. Resultado: a minha pesquisa ficou completamente em stand-by.

O meu pai anda com umas remodelações lá em casa e ontem tivemos de ir buscar uma prima do meu marido ao aeroporto… entre vários afazeres, pouco tempo nos sobrou, mas acabámos por dar um passeio pela capital.

Nunca tinha estado com a prima do meu marido, mas confesso que simpatizei bastante com ela. Veio a Portugal dar uma palestra numa faculdade de Lisboa, e como nunca tinha estado na cidade (vive em Paris), acabámos por aproveitar por lhe fazer uma pequena «visita guiada». Fomos comer qualquer coisa ao Centro Comercial Colombo e depois fomos-lhe mostrar o Rossio, a remodelada Praça do Comércio (foto acima, que, para ser franca, já tirei há uns anos) e acabámos numa explanada encantadora. Ao longe o Tejo, os coloridos eléctricos a passar, o cheirinho a café com pastéis de nata e uma brisa quente de Verão… tarde perfeita!

Aproveitei também para desenferrujar o meu inglês, pois a prima conhece poucas palavras portuguesas e eu pouco me recordo do francês. Agora que penso, aí está algo que me intriga: porque será que tendo eu tirado notas tão altas a francês, me esqueci de praticamente tudo e sendo uma aluna mediana a inglês, desenrasco-me muito melhor nesta língua. Enfim… mistérios incompreensíveis.

Foto: Mafalda S. - Praça do Comércio, Lisboa

8 comentários:

  1. Obrigada pela visita Mafalda!Parabéns por este blog maravilhoso, que só pelo título se desvenda como algo tão procurado por todos! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. Olá amiga :)

    Quase que me atrevo a pedir uma visitinha guiada :)


    Na escola também tive boas notas a francês, mas também tive a Inglês.
    A explicação para tu te desenrascares melhor, hoje em dia, com o inglês, deve-se ao facto de ser uma lingua universal e de uso recorrente.
    O inglês está presente em quase tudo na nossa vida. Desde o simples rótulo, à televisão e ao cinema.

    Ainda há dias dei por mim a pensar que gostaria de voltar a falar francês.. Vamos a ver se ponho os pensamentos em prática...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. é a tal coisa.
    não continuando a praticar, acaba-se por se esquecer das coisas.

    eu era excelente em inglês e, por vezes, até me atrapalho todo.

    beijos.

    ResponderEliminar
  4. Amiga,

    Tive conhecimento do site num fórum em que participo.. Tive a ver, e costuma ter promoções muito bacanas dentro da nossa área geográfica.

    Gostava de te enviar o meu e-mail. É possível eu deixar-te uma mensagem e tu não publicares? Consegues ler na mesma?

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Olá amiga! Sim, podes enviar o e-mail que eu não publico. Até era bom, para aquelas alturas em que precisamos de falar algo mais pessoal e que não queremos que toda a gente saiba.

    Beijinho grande

    P.S. É engraçado, que nem sequer te conheço «ao vivo», e ao mesmo tempo tenho a sensação de que somos amigas há anos. :)

    ResponderEliminar
  6. Ainda bem que se divertiu e proporcionou felicidade à sua volta.
    Lisboa é realmente maravilhosa!
    Por vezes, damos mais importância ao estrangeiro, tendo coisas semelhantes ou até superioras junto de nós.
    Um beijo

    ResponderEliminar
  7. Olá Mafalda

    Pelos vistos temos algo mais em comum além do gosto pela fotografia e de ser,mos vizinhos (lol).
    Os problemas linguísticos são em tudo semelhantes. Nos meus tempos de estudante também era um bom aluno em Francês e muito fraco no Inglês. No entanto nos dias de hoje tou na mesma, desenrasco-me mais ou menos bem na língua de Shaskespeare e pouco ou nada sai da lingua de Piaf.
    Provavelmente a Garfieldzita terá toda a razão naquilo que diz, estamos rodeados por todo o lado da lingua inglesa.
    Bem o passeio que relatas é agradável de se fazer, sempre que vou à capital com tempo, tento dar sempre uma volta pela baixa e pela marginal, pare que estamos noutro mundo, tal é a beleza que nos rodeia (arquitectónica ou marítima), é relaxante.Quanto à foto com que nos presenteias neste relato é muito bonita, é um excelente registo, a mesma só peca por não ser actual.

    Bem por agora é só

    Um beijinho
    Paulo

    ResponderEliminar
  8. Comentário no Facebook:

    Ana P.G.- Para além de escreveres bem, também cozinhas bem. Também quero arroz de pato! E eu adoroooo... arroz de pato! Já se comia... Faz me lembrar as nossas experiências num certo restaurante!

    Mafalda S. - Meu Deus! É verdade... belas lembranças.
    Não deixes de experimentar, é uma verdadeira delícia!

    ResponderEliminar

Related Posts with Thumbnails